Como os lírios do campo

“Portanto, não fiquem preocupados com o dia de amanhã. Deus cuidará do dia de amanhã para vocês também. Já é suficiente a carga de cada dia.” — Mateus 6:34

A folha dedicada a Mateus seis chegava a ser fina devido as inúmeras vezes em que Bia a folheou, usou marca-textos ou teceu comentários ao longo das bordas. Ler sobre o cuidado de Deus sempre tocou o seu coração de filha, e ela dedicava horas debruçada na janela assistindo aos pássaros se alimentarem no pé de murta do seu quintal, beliscando as bananas e os pedaços de mamão que o seu pai sempre colocava nos galhos e no muro bem cedinho. Ou se perdia entre os lírios que haviam na fazenda de sua avó. O Deus que ela havia conhecido desde pequena dava de comer aos pássaros e vestia os lírios, dando as flores uma vestimenta mais bela do que de qualquer Salomão da vida.

Bia queria crer que Deus também cuidava dela e que não precisava desperdiçar um minuto se quer do seu dia pensando nos problemas que a cercavam, mas nem sempre conseguia. Quando pequena era fácil esquecer das dificuldades da vida, qualquer algodão doce a levava a crer que estava sentadinha em uma nuvem cor de rosa, devorando pedaço por pedaço. Porém, a vida adulta, quanto mais se aproxima, mais torna a vida complicada.

Bia já perdeu a conta de quantas noites perdeu o sono por causa da confusão que acontecia em sua cabeça! Como conseguir o dinheiro para pagar as mensalidades da faculdade? Como suportar aquele emprego onde é tratada como um lixo? Deve mesmo se dedicar a um relacionamento onde não tem paz? E as constantes brigas dos pais? O que fazer? Como ser melhor? Por que a vida é tão difícil?

Ver o cuidado de Deus com os lírios e com os pássaros é mais fácil do que ver o cuidado do Aba em sua própria vida. Será que Ele está mesmo cuidando dela? Ah Aba, cadê você? Tudo o que Bia queria era poder sentir a mão de Deus firme na sua, poder ser abraçada por ele e inspirar o perfume de seu manto.

O que Bia tem dificuldade de entender eu posso contar pra você aqui agora… Enquanto ela anseia pelo abraço do seu Pai celestial e ao mesmo tempo deixa que os problemas perturbem a sua cabeça, o Aba abre os braços para ela e sussurra: “Tenha paciência, minha menina. Tudo vai ficar bem, apenas confie em mim.” Espero que Bia respire fundo e não se desespere, afinal ela não está sozinha. É o Aba e não eu que promete nunca abandoná-la, que promete tomá-la pela mão direita e não deixar que ela caía (Isaías 41:10). Que Bia aprenda a depender totalmente de Deus e a lidar com a preocupação de cada dia, sem carregar o mundo inteiro nas costas. Lembre-se das promessas do Aba e não se desespere, Bia.

Assim como os lírios do campo, Ele cuida de você, meu bem! ♥

Thais
Na frente do Princesas Adoradoras há 4 anos, dedica seu prazer pelas palavras à levar o amor de Deus a outros corações. Desde que aprendeu a vê-Lo como Pai e se encontrou como princesa, essa menina mulher tenta ajudar outras moças a descobrirem uma vida de propósitos e sonhos com Deus. Feita de fé, amor, sonhos e palavras, essa capixaba de 20 anos tem visto o carinho de Deus em seu dia a dia. Em 2016 lançou seu primeiro livro.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *