Aquele que veste os lírios do campo está cuidando de você

quarta-feira, janeiro 02, 2019

Foto de Milan Popovic no Unsplash

No culto da virada de 2016, fui escalada para fazer o momento dos Dízimos e Ofertas na igreja. Aquele havia sido um ano difícil pra mim. Em janeiro de 2016 decidi trocar a universidade federal em que estudava no Rio, por uma faculdade particular na minha cidade natal, no Espírito Santo, o que significou muitas mensalidades para pagar. Optar por essa troca foi uma escolha bem difícil pra mim, mas eu já não aguentava mais ficar longe de casa, da minha família e do mundo que eu conhecia. Mesmo sabendo que eu não teria muito apoio financeiro para me bancar nessa nova faculdade, encarei o desafio e ao lado da minha mãe, nos esprememos para dar conta das mensalidades.

Mas não foi tão fácil assim. Em dezembro de 2016 precisei fazer um empréstimo para quitar as mensalidades do 2º semestre, se não minha rematrícula não seria realizada. 

Inicialmente, eu não sabia qual mensagem trazer naquele momento... Mas ao conversar com Deus, Ele me fez lembrar de Mateus 6 e do seu incessante cuidado. Naquela noite eu quis lembrar a mim mesma, bem como aos demais irmãos que Deus não havia nos desamparado até ali e continuaria cuidando de cada detalhe de nossas vidas.

Diante das minhas próprias dificuldades, recordei-me dos dias em que eu não tinha nem uma terça parte do valor da mensalidade do meu curso, mas Deus supria o dinheiro da passagem do ônibus para que eu chegasse a faculdade. Recordei dos meses em que o dinheiro da minha mãe não era suficiente e que Deus abriu uma porta de estágio pra mim. Lembrei dos dias em que não faltaram alimento, segurança e conforto em casa. E na breve mensagem que trouxe naquela noite, pedi que os membros da igreja que frequento também se recordassem do quanto Deus havia os sustentado até aquele momento. Hoje, te convido a fazer a mesma coisa.

Naquela noite, mesmo com todas as incertezas que haviam diante de mim, uma vez que mesmo fazendo estágio, o valor do meu curso era maior do que eu recebia, e nos meses seguintes eu não tinha apenas as novas mensalidade para quitar, mas também um empréstimo, e talvez no fim do próximo semestre eu não pudesse confirmar a renovação da minha matrícula, decidi que confiaria no Deus que faz milagres.

As palavras de Jesus ecoaram no meu coração naquela noite:

Por isso eu lhes digo que não se preocupem com a vida diária, se terão o suficiente para comer, beber ou vestir. A vida não é mais que roupa? Observem os pássaros. Eles não plantam nem colhem, nem guardam alimento em celeiros, pois seu Pai celestial os alimenta. Acaso vocês não são muito mais valiosos que os pássaros? Qual de vocês, por mais preocupado que esteja, pode acrescentar ao menos uma hora à sua vida? (Mateus 6:25-27)

Em meio as dificuldades do dia a dia, nós nos esquecemos com facilidade que não estamos sozinhos. Talvez seja a insistência da vida adulta, sempre nos mostrando que ao cruzar determinada idade nós somos responsáveis por nós mesmos, responsáveis pelos boletos que não param de chegar e pela manutenção do emprego que nos permite viver em sociedade. É claro que, existem inúmeras responsabilidades na vida adulta, mas nós não precisamos encará-las sozinhos.

Jesus ensinou aos seus discípulos e ao povo do cuidado de Deus para conosco, mostrando a eles que se Deus cuida dos pássaros, dando-os de comer e beber, não cuidaria de nós, seus filhos? Compreender isso apenas em teoria não basta, pelo contrário, você apenas saber de cór que Deus está sempre cuidando de você, não te faz andar por meio da fé. É preciso que você creia nessa verdade e a viva no seu dia a dia.

Pense em quantas vezes, ao decorrer dos dias em que esperou pelo socorro de Deus, mas este demorou vir, em que você se preocupou, perdeu o sono e elaborou seus próprios planos, colocando o Senhor de lado ao tentar agir por conta própria. Você conseguiu solucionar seus problemas desta forma? Creio que não. Comigo as coisas não funcionam muito assim, na maioria das vezes quando ajo por conta própria, acabo criando mais problemas do que solucionando o que eu já tinha.

É por isso que Jesus diz que não adianta deixarmos que as preocupações ocupem espaço em nosso coração, porque não temos poder para acrescentar dias em nossa vida.

E por que se preocupar com a roupa? Observem como crescem os lírios do campo. Não trabalham nem fazem roupas e, no entanto, nem Salomão em toda a sua glória se vestiu como eles. E, se Deus veste com tamanha beleza as flores silvestres que hoje estão aqui e amanhã são lançadas ao fogo, não será muito mais generoso com vocês, gente de pequena fé? (Mt 6:28-30)

Aprender a confiar que Deus está cuidando de cada detalhe da sua vida, é não se deixar levar pelas preocupações do amanhã, é não permitir que as incertezas e o medo te paralisem. Isso significa que você deve ficar de braços cruzados esperando que Deus traga o alimento e água? Não, você deve fazer a sua parte, esforçando-se, dedicando-se, estudando, trabalhando, e acima de tudo, confiando. 

Quando você decide agir por conta própria ou se entrega as preocupações, pode abrir portas para mais problemas e até para pecados que te afastarão de Deus. Um coração ansioso e temeroso múrmura, lamenta, sofre. Um coração que confia e espera no Senhor, encontra paz e alegria mesmo nos dias mais difíceis. 

Em novembro de 2016 eu havia feito mais uma edição do ENEM, esperando que em janeiro de 2017 eu conseguisse uma bolsa pelo PROUNI. Em janeiro eu não consegui, abriram pouquíssimas vagas para o meu curso, mas permaneci confiando. Em Junho de 2017, mais uma edição do PROUNI foi aberta. Não havia nenhuma vaga para História, acredita? Haviam algumas mensalidades pendentes daquele semestre. Meus pais tinham acabado de se separar e agora eu precisava ajudar em casa. O que eu ganhava no estágio não era suficiente. Achei que daquele semestre eu não passaria, não voltaria para a faculdade, mas mesmo assim resolvi insistir. 

Me inscrevi para uma bolsa no curso de Pedagogia. Minha ideia era, se eu ganhasse a bolsa, tentasse trocar para o meu curso. Vasculhei toda a internet a procura de casos semelhantes, mas não encontrei nada dizendo que isso era impossível - nenhuma regra do programa dizia isso - nem encontrei casos de pessoas que haviam conseguido fazê-lo. Orei várias madrugadas em prol daquela bolsa, e alguns dias depois, o meu nome saiu entre os contemplados. 

Foram muitas idas ao setor de Assistência Social da minha faculdade, até o dia em que sentei com a assistente social e ela ouviu a minha história. Ao sair daquela sala, ela me disse que faria de tudo para tentar trocar a bolsa pra mim. Mamãe diz que eu não estava sozinha na sala com aquela assistente social, que o Espírito Santo estava ao meu lado o tempo todo e com certeza foi ele que tocou o coração daquela senhora para que ela desse crédito a minha ideia louca. 

E foi Ele mesmo que garantiu que alguns dias depois a resposta fosse positiva: a bolsa era minha! Estudei mais um ano e meio como bolsista, e mês passado colei grau. Sem nenhuma dívida! Deus cuidou de cada detalhe.

É por isso que estou aqui para te lembrar que o mesmo Deus que veste os lírios do campo, que dá de comer aos pássaros, que colore o céu a cada entardecer, está cuidando de você. Não podemos ser insignificantes para este mundo, podemos perder o apoio dos nossos pais, perdermos amizades importantes, sermos traídos, mas a verdade é que o Senhor jamais nos abandonará! 

Deus conhece os sonhos do seu coração e dá crédito a eles. Deus se encanta com a sua fé e te sustenta nos dias difíceis. Permaneça confiando nele, crendo mais e se preocupando menos, e acima de tudo, O coloque em primeiro lugar, pois todas as coisas serão acrescentadas aos seus dias. 

Portanto, não se preocupem com o amanhã, pois o amanhã trará suas próprias inquietações. Bastam para hoje os problemas deste dia. (Mt 6:34)

Comece seu 2019, confiando no Abba!


Um olá, da nova tia Thaís! 


You Might Also Like

0 Comments

Popular Posts


Compre o nosso livro!