7 de Agosto de 2015
O 7 on 7 deste mês de agosto traz como tema a minha estação preferida: Inverno! É uma pena que na região sudeste, assim como na maioria das demais regiões do país, nós não a venhamos sentir de verdade. Afinal, em terras cariocas curtimos praia até no inverno! Mas nesta estação tive a oportunidade de conhecer um lugar charmoso que chamava minha atenção há tempos e que sim: é possível sentir o inverno lá e como é! Jamais esquecerei os 14º C que invadiram minhas blusas de frio, as minhas duas calças jeans e minha velha bota!
Fundada por Dom Pedro II, Petrópolis foi usada pelo imperador para fugir dos verões quentes e dos surtos de febre amarela no Rio de Janeiro, assim como muitos moradores nobres da cidade carioca. Por cinco meses durante quarenta anos, Petrópolis foi a Cidade Imperial e é assim conhecida até hoje. Embora as novas construções e as tecnologias tenham chegado, a cidade ainda possui ruas cheias de velhos casarões que pertenciam à nata carioca, assim como o Palácio Imperial, que hoje é um museu incrível!
Vamos dar uma breve voltinha pela cidade de Dom Pedro II?
1ª. Esta fonte fica na Praça da Liberdade, embora vocês só possam ver a fonte e eu não tenha conhecido tantas praças assim, essa ainda assim é uma das mais lindas que já estive!
2ª. Com 14º C quem resiste a um bom chocolate quente? O livro era só pra foto mesmo, porque não dava pra ler enquanto tinha uma cidade inteira para conhecer, dava?
3ª. Tive a oportunidade de conhecer Petrópolis no último dia da Bauernfest, é a festividade tradicional da cidade que comemora a chegada dos imigrantes alemães. Além da cerveja e dos salsichões, pra quem gosta dessas coisas, a cidade é invadida por danças típicas e desfiles. É incrível o cuidado com as roupas, com a maquiagem, com as carroças usadas nos desfiles… As pessoas são simpáticas e extremamente charmosas!
4ª. Petrópolis é recheada de história, um prato cheio para quem gosta de conhecer lugares e particularidades da história do nosso país. Há diversas atrações na cidade, tem a casa do Santos Dumont, o Palácio de Cristal, a Casa da Princesa Isabel e por aí vai… 
5ª. Este é o Museu Imperial, o tal palácio em que Dom Pedro II e a sua família passavam os seus verões. Há muita coisa pra ser vista no museu, além das lindas mobílias é impossível não voltar no tempo e imaginar a família imperial ali. O divertido do museu (Alerta para a criança que ainda existe em você!) é que o piso é todo em madeira, e para evitar danificá-lo, é necessário que os visitantes calcem pantufas para percorrer o palácio. Pantufas mais madeira lustrada é igual patinação e muita, muita diversão! 
6ª. Este é apenas um pedacinho do jardim que Pedro tinha em frente a sua casa… Dá pra entender por que ele fugia do calor, né? Petrópolis é extremamente charmosa!
7ª. Dia 5 de julho de agosto foi dia de tirar as velhas botas do fundo do baú e pegar cachecol emprestado com a tia! Vou ser uma eterna tietê de Petrópolis porque conhecê-la foi realmente muito bom! É um daqueles sonhos simples, mas muito importantes, que a gente tem sabe? Espero voltar mais vezes! 
Se eu pudesse postava todas as fotos desse dia pra vocês, mas não quero ser chata e tenho que seguir as ordenanças do 7 on 7, “apenas 7, Thaís…” Espero que vocês tenham gostado! E aí, alguém, pode me indicar outra cidade carioca que dá pra sentir o inverno de verdade? Porque a capital só engana a gente!
Antes de ir embora, que tal conhecer as fotos das outras meninas?
  Adna | Ana Karla | Danny | Larisse | Evelyn


Escrito por: Thaís Oliveira

Você também vai gostar

    [Poem a Week] Antes de tocá-la preste atenção:
    [+QP] A garota do cinema

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

11 Comments

receba as novidades


Inscreva-se no formulário ao lado e receba conteúdos exclusivos em seu e-mail.
 
 

Acompanhe os vídeos no youtube


desenvolvido por QRNO