10 de Fevereiro de 2020

Bom dia, Princesa! Como você está? Espero que bem.

Portanto, não pensem que foi com a sua própria força e com o seu trabalho que vocês conseguiram todas essas riquezas. Lembrem do Senhor, do nosso Deus, pois é ele quem lhes dá força para poderem conseguir riquezas. Vocês estão vendo que assim ele está cumprindo a aliança feita por meio de juramento com os nossos antepassados. — Deuteronômio 8:17-18

Você não acharia estranho se um ator, ao ganhar um prêmio como o Oscar, passasse todo o seu discurso engrandecendo a si mesmo pela conquista? Será que não o acharíamos um tremendo soberbo, um homem narcisista? Eu não acharia a menos graça…

Mas não sei se você já reparou, na vida, em algum momento, nós acabamos agindo assim. Pode não ser em uma premiação do Oscar, mas pode ser na colação de grau da faculdade, na conquista de uma vaga de emprego ou até mesmo em nosso casamento!

Ao invés de reconhecermos que sem Deus não teríamos chegado até ali, que sem Ele não teríamos conquistado tal realização, nós só olhamos para nós mesmas, contemplando nossa força, nos envaidecemos, afirmamos nosso mérito. Quando na verdade, toda a estrada percorrida foi permissão de Deus e a vitória só chegou porque Ele permitiu, não é mesmo?

Moisés alertou os israelitas sobre o perigo da autossuficiência, fazendo-os compreender que não fora por suas forças nem por sua bondade que eles habitariam uma terra tão rica e boa, todavia, pela bondade de Deus, por causa da promessa que Ele havia feito com Abraão, Isaque e Jacó (Dt 9:4-6). 

A autossuficiência nos engana, nos fazendo acreditar que somos capazes de suprir todas as nossas necessidades, sejam elas físicas, emocionais ou espirituais. Ela nos faz crer que somos fortes, independentes, determinadas e poderosas, portanto, não precisamos de nada nem ninguém. Ah, que engano o nosso! Em nós não encontramos força para nada. Não acredita em mim? Experimente confiar apenas em você e a contar só consigo mesma…

Princesa, assim como os israelitas, precisamos nos lembrar que não conquistamos nada por mérito próprio, tudo e todas as coisas se tornam reais em nossa vida graças à bondade de um Deus misericordioso. Que sejamos gratas a Ele!


Podcast

Lembrando Princesa, que em nosso podcast nós disponibilizamos todos os nossos devocionais. Assim, você pode tê-los em primeira mão. Para acessá-los clique aqui.

Escrito por: Thaís Oliveira

Você também vai gostar

    Em seu lugar, o que Jesus faria?
    Seja uma influenciadora

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

receba as novidades


Inscreva-se no formulário ao lado e receba conteúdos exclusivos em seu e-mail.
 
 

Acompanhe os vídeos no youtube


desenvolvido por QRNO