4 de Maio de 2015
Semana passada enquanto dava uma conferida na vida alheia no feed do Facebook,o link de um site me chamou a atenção por conter algumas ilustrações maravilhosas, como uma romântica nata fui logo dar uma conferida no material completo e até agora estou dizendo: “Own! Quero também!”
As ilustrações da coreana Puuung (espero ter colocado todos os u) possuem uma doçura simples da ideia que a moça possui do amor de verdade, aquele que podemos observar no dia a dia. Acho que até aqueles que não são muito adeptos do amor, ou as moças mais brutas rsrs, vão amar os desenhos dela que possuem uma pitada de mangá.
A coleção da coreana em tradução livre ficou conhecida como Confortável e encantador, adjetivos que na minha opinião são perfeitos para os desenhos, e que com certeza nos levam a uma profunda conclusão: o amor está presente nas pequenas coisas, nos pequenos gestos. Mais do que presentes e jantares caros, amar é cuidar todos os dias, é dar atenção, é buscar fazer o outro sorrir.
O que me fez lembrar também da canção Dar-te-ei do Marcelo Jeneci, dê um play e confira as ilustrações.
Já bem disse Arnaldo Jabor: “A demonstração de amor requer mais do que beijos, sexo e palavras. Sentir-se amado é sentir que a pessoa tem interesse real na sua vida.”
Amor a gente não aprende nos livros, na faculdade, com conselhos, com teorias. Amar a gente aprende amando.
Padre Fábio de Melo.

Você pode conhecer mais sobre o trabalho da autora nestes dois links abaixo:
Facebook
Grafolio

Escrito por: Thaís

Você também vai gostar

    Menos competição, mais incentivo
    Mais amor, por favor

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

10 Comments

receba as novidades


Inscreva-se no formulário ao lado e receba conteúdos exclusivos em seu e-mail.
 
 

Acompanhe os vídeos no youtube


desenvolvido por QRNO