10 de Janeiro de 2015

Quem sabe um dia é de autoria da atriz Lauren Graham – a eterna Lorelai de Gilmore Girls – e mesmo que todas as resenhas que li antes de comprar me dissessem que o livro  era uma perca de tempo, eu correria o risco e leria mesmo assim, porque Lauren é paixão!

Quem conhece Gilmore Girls viu Lauren em Lorelai e Lorelai em Lauren em cada episódio e isso não seria diferente durante a leitura de Quem sabe um dia, a promessa de que haveria humor, uma personagem tagarela e muitos micos foi muito bem cumprida!

Estamos em janeiro de 1995, em Nova York, e restam apenas 6 meses para o prazo de 3 anos que Franny Banks estipulou para si mesma, acabe. O sonho de Franny é ser uma grande atriz da Broadway, mas a única coisa que conseguiu nos últimos meses foi um comercial de suéteres de natal e seu trabalho como garçonete também não vai nada bem, motivada Franny entende que a partir de agora não tem nada de acordar tarde e comer cheetos, está na hora de se manter em forma e conseguir um agente!

Franny dividi um apartamento com Jane, sua melhor amiga, e Dan, um aspirante a roteirista que largou a faculdade para se dedicar a roteiros de ficção científica, mesmo tendo seu pequeno fã clube de 2 integrantes, todos insistem que ela tenha um plano B, talvez voltar para casa e ser professora como o pai e se casar com um ex-namorado. Franny não quer pensar em seu plano B, portanto se dedicará ao máximo para que a sua sorte mude durante os seus últimos seis meses.

Franny tem 26 anos e ao mesmo tempo que se anima toda com as oportunidades que parecem surgir, ela morre de medo de não conseguir realizar seu maior sonho. No fundo, Franny é como todos nós, uma garota simples que deseja um futuro brilhante. Lauren conseguiu trazer com destreza a humanidade de sua personagem.

Como Lauren é atriz, ela conseguiu trazer perfeitamente os detalhes das lutas, quedas, ganhos e frustrações que um artista pode encontrar na jornada para o sucesso. As cenas em que Lauren descreve o encontro de Franny com seus agentes fez me lembrar muito de Joey, personagem de Friends, que também queria ser ator e corria atrás do seu sonho em Nova York. Na verdade, li o livro todo com essa sensação de estar vendo uma parte de Friends, talvez por a história também se passar em 95 e por ambos compartilharem muitos detalhes da vida de jovens americanos nos anos 90.



Quem sabe um dia é uma leitura rápida, divertida e cativante! Você ficará o tempo todo com um sorriso no rosto e torcerá para que Franny tenha seu final feliz ou que a felicidade dela comece logo e não tenha um fim!

Além da história em si, somos presenteadas com páginas da agenda de Franny, que são super fofas e divertidas. Você acaba se aproximando ainda mais da personagem e ficando por dentro de detalhes do seu dia-a-dia.

Se escolhesse uma palavra para descrever o livro de Lauren, escolheria REALIDADE! A autora não foge muito do cotidiano e nos mostra o quanto nossos sonhos são vulneráveis, precisa-se de muita força e garra para se conquistar cada um deles.

Quote preferido:

“Você pode ser sensível por dentro, mas o que vejo por fora é um soldado.”

E você, já leu o livro? O que achou dele? E alguém gostaria de ler?
Quais livros vocês estão lendo agora?
Compartilha tudo vai!
Escrito por: Thaís Oliveira

Você também vai gostar

    Devocional gratuito para baixar
    Livros cristãos para comprar na Black Friday

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

4 Comments

receba as novidades


Inscreva-se no formulário ao lado e receba conteúdos exclusivos em seu e-mail.
 
 

Acompanhe os vídeos no youtube


desenvolvido por QRNO